Tem gente que não perde tempo e troca de celular tão logo um novo modelo é lançado no mercado. Em contrapartida, há quem entenda que os aparelhos podem durar mais e façam bom proveito disso.

Eventualmente, porém, a vida útil do dispositivo chega ao fim e é hora de trocar de celular. Você sabe identificar os sinais que indicam que este momento chegou?

Neste post, vamos dar algumas dicas que vão ajudar. Às vezes, é o tempo de vida útil do aparelho que chegou ao fim, mas às vezes, é o usuário que encontra motivos justos para uma troca. Continue a leitura e saiba mais!

A bateria dura muito pouco

Com o passar do tempo, a bateria de um smartphone deixa de ter o mesmo desempenho que tinha quando o aparelho era novo. Muitas vezes, apesar de carregar o celular corretamente, o usuário percebe que a bateria não dura tanto quanto antes.

Até certo ponto, ter um carregador portátil pode resolver o problema. Entretanto, se o aparelho descarrega rapidamente, pode precisar de várias cargas ao longo do dia, apresentando uma demanda que vai além da capacidade do power bank.

Isso sem falar que por mais úteis que esses carregadores sejam, às vezes, tudo que a gente quer é não precisar sair de casa com mais um item a pesar no bolso ou na bolsa, não é mesmo?

Assim, tenha em mente que bateria durando pouco em aparelhos mais antigos pode ser sinal de que a hora de trocar de celular se aproxima. Você vai ter certeza disso quando o smartphone começar a te deixar na mão, mas convenhamos que não é preciso esperar até esse ponto!

O celular está lento ou travando

Outro fator que o tempo afeta é o desempenho dos smartphones. Especialmente se a bateria ainda vai relativamente bem, mas o aparelho começa a travar ou demorar para abrir aplicativos e executar comandos, um problema deve está ocorrendo.

Em alguns casos, o desempenho aquém do desejável pode ser corrigido com a limpeza interna do aparelho. Em outras palavras, deletando arquivos pesados e apps sem uso ou mandando boa parte das coisas para um serviço de armazenamento em nuvem.

Em outros, pode ser que uma simples atualização de sistema e de aplicativos resolva o problema.

Há casos, porém, em que a situação é um pouco mais crítica e só pode ser resolvida ou melhorada com uma formatação. Há quem saiba fazer isso por conta própria, conhecendo as rotinas de backup de dados para não perder nada que está no celular. Mas há quem precise buscar ajuda da assistência técnica.

Se isso não resolver ou se você souber que não é de uma formatação que seu aparelho precisa, travamentos e lentidão significam que é hora de trocar de celular.

Um celular que trava demais simplesmente não está mais conseguindo lidar com as demandas do usuário. É como se, como acontece com seres vivos, o dispositivo estivesse cansado e envelhecido a ponto de ter dificuldades em desempenhar as tarefas como fazia antes.

O celular está superaquecendo

Celulares esquentam quando estão executando tarefas mais pesadas, é normal. Justamente por isso, alguns aparelhos são até programados para se auto-desligarem, acusando o superaquecimento, e se religarem depois da baixa da temperatura.

Esse mecanismo é um sinal de que o superaquecimento não é bom para o celular, havendo um limite que o aparelho pode “tolerar” para seguir funcionando normalmente depois.

Se você joga em seu smartphone ou passa um período relativamente mais longo usando o GPS, por exemplo, é bem provável que você já tenha percebido o aumento de temperatura. Em casos assim, está tudo bem.

Por outro lado, se o aparelho começa a superaquecer ao executar tarefas simples, é sinal de que o software já não está dando conta das demandas. Um efeito que surge… isso mesmo, com o passar do tempo!

É importante saber que usar o celular enquanto este carrega também pode provocar superaquecimento. Assim sendo, se é nestes momentos que você nota a temperatura do aparelho subir, talvez ainda não seja um sinal de que é hora de fazer uma troca.

O sistema não atualiza mais

Outro sinal de que é hora de trocar de celular é o entendimento de que novas atualizações de sistema não estarão disponíveis para o seu aparelho. Algo que tende a acontecer com smartphones que são considerados antigos pelos próprios fabricantes.

Dá para passar um tempo com um celular que não atualiza mais? Dá, mas eventualmente vai chegar o momento de substituir o aparelho por um modelo mais novo.

Considere as informações que compartilhamos anteriormente. Mesmo que o sistema não receba mais atualizações, os aplicativos em uso podem seguir sendo atualizados, ao menos por um tempo.

Com isso, pode ser que os apps se tornem pesados demais para que o sistema antigo suporte. Algo que pode causar problemas como lentidão, travamento e até o superaquecimento.

Além do mais, caso você ainda não saiba, atualizações do sistema não são feitas apenas para apresentar novas funcionalidades que talvez você possa viver sem. Essas atualizações também existem para corrigir falhas de segurança e manter você e seus dados protegidos.

Os recursos já não te atendem

Até aqui, apresentamos sinais que entregam que o aparelho está mesmo mais antigo e que, por isso, pode estar chegando a hora de você trocar de celular. Há ainda outros sinais que dizem respeito às suas expectativas e não necessariamente à idade do dispositivo.

Vamos supor, por exemplo, que você tenha um ObaSmart 2 e que, no geral, ainda esteja contente com seu aparelho. Porém, soube do lançamento do ObaSmart 3 e descobriu que o novo celular para idosos da Obabox tem mais memória interna e flash na câmera frontal e se interessou.

Fatores que despertam o interesse de troca, sobretudo em razão de melhorias que podem ser realmente úteis também são sinais de que é hora de trocar de celular.

Assim, se você precisa de mais memória, quer uma câmera mais potente, um aparelho com tela maior porque começou a ler e-books no celular ou o que for, pode ter um bom motivo para buscar um dispositivo novo.

Esperamos que as dicas ajudem você a decidir se o momento de trocar de celular já chegou ou se ainda há tempo para se planejar melhor para uma nova compra.

Gostou do post? Confira também: Cuidados Com Celular – Descubra Como Aumentar a Vida Útil do Aparelho!

Share:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *