Se você é uma pessoa antenada, já deve ter ouvido falar do plástico como um dos vilões de nossos tempos. Sabe o porquê disso e como reduzir o desperdício de plástico na cozinha?

A conversa que teremos neste post é sobre sustentabilidade na sua casa, especialmente na cozinha por ser um ambiente em que lidamos com muitas embalagens.

Você vai notar que, mais do que se preocupar com o meio ambiente ― o que é ótimo para nós ― a ideia também é evitar um desperdício que custa dinheiro. Bora?

Por que o plástico é apontado como vilão

A primeira coisa que você precisa entender sobre a necessidade de reduzir o uso de plástico, assim como seu desperdício, é porque esse material tem sido apontado como vilão.

Com isso, temos dois esclarecimentos importantes:

  1. O plástico não é de todo ruim, visto que é bastante útil em nosso dia a dia e;
  2. Ele não é e está longe de ser o único vilão do meio ambiente.

Esses esclarecimentos são importantes para que você não pense que temos a utopia de eliminar o plástico de nossas vidas ou muito menos de fazê-lo como um passe de mágica. E para que saiba ainda que há outras questões que carecem nossa atenção pelo bem do planeta e de nós mesmos.

A questão é que o plástico gera um lixo que ocupa muito espaço no ambiente e facilmente chega a outros seres vivos que podem até morrer em consequência disso. Estima-se que podemos chegar a 600 milhões de toneladas de plástico nos oceanos até 2040.

Já há muito plástico nos mares de todo o mundo. Com isso, animais ficam presos e morrem ou se alimentam por engano e morrem. Os que sobrevivem passam a fazer parte da cadeia alimentar e, por isso, cientistas já encontraram microplásticos até no organismo humano!

O plástico, muitas das vezes, é reciclável, mas isso não significa que seja reciclado de fato. Segundo a NetGeo, 91% do lixo plástico gerado no planeta não passar por processos de reciclagem e simplesmente se acumula na natureza.

Assim, o plástico é apontado como vilão porque está contribuindo para a morte de seres vivos e prejudicando também a nossa saúde.

Para além do meio ambiente

Se por algum motivo você ainda não se ligou à questão ambiental e esse problema grave não te diz nada, considere apenas que usar embalagens plásticas descartáveis pesa no seu bolso pouco a pouco.

Dificilmente alguém que não tem um pé de dinheiro quer desperdiçar o que tem, não é mesmo? Por isso, se você está sempre buscando formas de economizar, saiba que reduzir o uso de plástico na cozinha ― e em toda a sua casa ― é um caminho válido e muito possível.

Como reduzir o desperdício de plástico na cozinha

Agora que você já sabe por que reduzir o uso de plástico e seu desperdício, vamos dar dicas de como você pode fazer isso em sua cozinha. Afinal, não seria justo apontarmos o problema sem te oferecer soluções!

Dê preferência a embalagens reutilizáveis

Um dos melhores caminhos é dar preferência a embalagens reutilizáveis como o vidro ou outras especiais como o ObaZipKip, que é lavável e pode ser utilizado várias e várias vezes.

Assim, ao invés de jogar centenas ou milhares de saquinhos de plástico fora ao longo de um ano, você encaminha um número bem menor de embalagens para a reciclagem.

Conheça outros tipos de embalagem

Lembra-se de que dissemos que o plástico não é o único vilão? No melhor dos cenários, nosso objetivo deveria ser evitar ao máximo a geração de lixo. Com isso, é preciso pensar com atenção.

Substituir o plástico por embalagens de alumínio pode ser mais interessante visto que o alumínio é mais reciclado do que o plástico. Por outro lado, tudo o que consumimos usa recursos do planeta e convém tentar preservá-los.

Assim, boas trocas para reduzir o consumo de plástico são bem-vindas, mas vale também tentar gerar um volume cada vez menor de lixo.

Repense sua forma de consumo

Se você quer reduzir o desperdício de plástico na cozinha, outra medida é reduzir o volume de plástico que entra na sua cozinha. Com isso, repense suas formas de consumo para minimizar o uso de descartáveis e gerar menos lixo, sobretudo menos lixo plástico.

Leve saquinhos e sacolas reutilizáveis quando for fazer compras no sacolão e no supermercado e prefira embalagens duráveis ao escolher os produtos. Ainda, considere a possibilidade de comprar mais à granel, levando de casa embalagens ao invés de usar mais plástico.

Aventure-se mais na cozinha

Por último, mas não menos importante, a dica é para que você se aventure mais na cozinha, caso isso seja possível. Fazer a própria comida nos ajuda a reduzir o uso de plásticos e outros descartáveis, além de favorecer uma relação mais saudável com a comida e com o planeta.

Muita gente que aprende ou se dedica mais a cozinhar começa a se interessar por um estilo de vida mais benéfico para a própria saúde e para o meio ambiente. Uma mudança completa!

Conheça os 3 R’s da sustentabilidade

Eliminar o consumo de plástico é missão praticamente impossível considerando o estilo de vida a que estamos habituados. Porém, adotar hábitos mais adequados é possível, como você viu com as dicas que compartilhamos.

Assim, nos resta ainda apresentar ou lembrar você dos 3 R’s da sustentabilidade: reduzir, reutilizar e reciclar. Tenha-os como princípio em sua cozinha para usar cada vez menos plástico, ajudar o planeta e o seu bolso também.

  • Reduzir: sempre que possível, escolha outros tipos de embalagens que sejam mais duráveis para que você não precise usar tanto plástico, sobretudo os descartáveis;
  • Reutilizar: dê preferência àquilo que pode ser reutilizado, mesmo que seja um tipo de plástico reutilizável porque já vai ser melhor do que usar infinitos saquinhos novos, gerando mais e mais lixo dia após dia;
  • Reciclar: por fim, considerando que a gente não se livra dos plásticos facilmente, sempre que possível, mande-os para a reciclagem.

Muitas cidades no Brasil ainda não contam com um serviço de coleta de recicláveis de porta a porta, mas com um pouco de boa vontade, você encontra a solução.

Existem pontos de coletas para os quais você pode levar seus plásticos e outros recicláveis, assim como existem catadores ou empresas que podem ser contatadas para que a coleta seja feita em sua casa com negociação de valores.

Esperamos que tenhamos inspirado você a reduzir o consumo e o desperdício de plástico da cozinha. Medidas simples podem fazer de você uma pessoa que ajuda o planeta e, de quebra, gera uma economia para usar melhor o próprio dinheiro.

Gostou? Não deixe de compartilhar o post nas redes sociais e no whatsapp!

Share:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *