Tem coisas que a gente tem certeza que sabe como fazer, mas eventualmente descobre que cometia alguns erros. A forma correta de guardar alimentos na geladeira é uma delas!

A gente sabe que pessoas diferentes têm formas de organização diferentes. Ainda que essa liberdade exista e deva ser respeitada, porém, existem algumas dicas que não são compartilhadas sem motivo.

Neste post, vamos apresentar a você algumas delas para que você conheça as melhores formas de guardar os alimentos na geladeira pensando tanto na organização quanto em sua conservação. Acompanhe!

Por que prestar atenção à forma de guardar os alimentos

É de conhecimento geral que alimentos na geladeira duram mais. Inclusive, há alimentos que se não forem acondicionados em temperaturas mais baixas estragam em um piscar de olhos, sobretudo no calor.

Entretanto, não basta abrir a geladeira e encontrar um lugar disponível para um alimento, é preciso saber o melhor lugar para guardá-lo e isso é algo que varia de acordo com o tipo de alimento.

Em geral, geladeiras alcançam temperaturas mais baixas na parte de cima, ficando um pouco menos geladas nas partes de baixo. Pode ainda haver diferença entre áreas de resfriamento especial e as demais, assim como entre a porta e o restante da geladeira.

Se você colocar uma verdura em um compartimento muito frio, ainda que não seja o congelador, a depender do tipo de proteção usada, a verdura pode sofrer queimaduras de gelo.

Por outro lado, se colocar um presunto fatiado na parte mais baixa da geladeira, a temperatura pode não ser fria o suficiente para mantê-lo conservado pelo tempo esperado.

Com tudo isso, é preciso organização e conhecimento para guardar tudo da forma correta e aumentar a durabilidade dos alimentos, evitando desperdícios que pesam também no seu bolso.

Gelar ou congelar: entenda o que é correto

A geladeira foi desenvolvida para que tenhamos alimentos em condições de serem consumidos por mais tempo, mas nem todo alimento deve ser colocado na geladeira e nem tudo que vai na geladeira pode ir ao congelador.

Por essa razão, vamos começar a entender como guardar alimentos na geladeira sabendo o que não deve ser acondicionado ali. Note que é mais fácil fazer a lista por exclusão, sendo que todo resto pode ir para a geladeira:

  • Alho (por perder o sabor e porque pode mofar mais rápido);
  • Cebola (por estragar mais rápido);porque estraga mais rápido do que na despensa;
  • Tomate (porque pode perder o sabor);
  • Banana, maçã, pera e laranja (por perderem seus antioxidantes);
  • Melão, melancia ou abacate ainda fechados;
  • Abóbora (por perder líquido e sabor);
  • Batata branca e batata doce (por perderem líquido e demorarem mais para cozinhar);
  • Cenoura (por perder o sabor);
  • Pimenta em conserva;
  • Ketchup e mostarda (por já possuírem conservantes que os mantêm em boas condições);
  • Todo tipo de pão (por ficarem secos mais rapidamente);
  • Cereais matinais e biscoitos;
  • Mel, manteiga de amendoim e Nutella;
  • Condimentos como orégano, salsinha, pimenta em pó, colorau (por perderem o sabor);
  • Carnes que não vão ser consumidas no mesmo dia (e que precisam ir ao congelador).

Todos os demais alimentos podem ir à geladeira, a menos que precisem ir ao congelador. Sorvetes, por exemplo, derreteriam na geladeira e carnes perderiam sua validade bem mais rápido.

O uso do congelador, inclusive, é uma forma de conservar alimentos por ainda mais tempo. Muitas casas do Brasil fazem isso com o feijão, por exemplo. Acontece por aí?

Com base nesse exemplo, para facilitar ainda mais sua vida, vamos a lista do que não pode ir ao congelador:

  • Vegetais folhosos (com exceção da couve que pode ser usada em cubos de gelo para fazer suco verde);
  • Ovos cozidos e omelete (por ficarem borrachudos);
  • Iogurte e queijo caseiros (por perderem sua textura e características originais);
  • Carnes fritas ou empanadas.

Como organizar os alimentos corretamente

Fazer a lista do que não pode é mais fácil porque a maioria dos alimentos pode ser refrigerada. Como dissemos, porém, essa refrigeração não pode ser feita de qualquer maneira.

Com isso, é importante que você entenda como organizar os alimentos de forma a aumentar sua conservação e reduzir as chances de contaminação. Veja:

  • Parte superior da geladeira: ideal para guardar ovos (ainda que o suporte esteja na porta), queijos, requeijão, presunto, maionese, manteiga, patês e iogurte;
  • Parte central da geladeira: ideal para guardar alimentos cozidos, as famosas “sobras” que serão consumidas em um curto período de tempo;
  • Parte inferior da geladeira: carnes e peixes crus reservados para o preparo ou que estejam em processo de descongelamento;
  • Gavetas: verduras, legumes frescos e frutas;
  • Porta: água, sucos, leites e outras bebidas, azeitonas e outras conservas e geleias.

Dicas para conservar melhor os alimentos

Agora que você sabe os lugares para guardar alimentos na geladeira corretamente, vamos dar algumas dicas extras de como aumentar sua conservação um pouquinho mais.

  • Verduras: folhosos como o alface, a couve e a rúcula têm muita água e isso pode fazer com que se estraguem mais facilmente. Assim, antes de guardá-los na geladeira, é importante secá-los bem.

Lave as folhas e coloque-as para escorrer. A ideia é retirar o excesso de umidade para aumentar a durabilidade. Em seguida, coloque-as em potes ou embalagens limpas;

  • Carnes: lembre-se de que o período máximo que uma carne pode ser mantida crua na geladeira é de 48 horas porque, depois desse período, já começa a estragar.

Assim, se o preparo não for imediato, coloque a carne direto no congelador após a compra. Pode ser interessante criar porções menores e acondicioná-las em recipientes limpos separadamente para facilitar o manuseio;

  • Embalagens: para os congelados e especialmente para os alimentos cozidos, dê preferência a embalagens reutilizáveis livres de BPA.

Assim, você melhora as condições para a conservação dos alimentos sem usar plásticos que podem ser nocivos à saúde, além de reduzir os níveis de contaminação dos alimentos guardados.

Suspeitamos que este post tenha te apresentado algumas novidades sobre como guardar alimentos na geladeira de forma correta, mas pode ser que você já fosse expert no assunto.

Em todo caso, o que desejamos é que as dicas de organização e conservação sejam úteis de alguma forma aí na sua casa.

Gostou do post e quer outras dicas para fazer alimentos durarem mais? Leia também sobre como conservar os alimentos por mais tempo!

Share:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *