Com o home office se tornando cada vez mais comum, um número crescente de pessoas está buscando formas de criar um escritório em casa.

Você faz parte desse grupo?

Ao começar a trabalhar em casa, uma pessoa pode escolher mesa e cadeira que já tiver à disposição.

Com o tempo, porém, entende-se a necessidade de investir na melhoria do espaço e, inclusive, em sua decoração. Algo que pode ser feito aos poucos, na medida do possível.

Se você já tem condições de equipar seu ou decorar seu escritório em casa ou se começou a pensar nisso agora e está buscando informação e inspiração, chegou ao post certo.

Confira!

Escolha do local

Se você está em busca de dicas para montar um escritório em casa, comece pela definição do lugar. Já trabalha em casa, mas não considerou isso antes? Repense.

Sabemos bem que não é fácil ter a liberdade de escolher em qual canto da casa trabalhar, menos ainda de ter um canto da casa exclusivo para usar como escritório. Ainda assim, dentro das suas possibilidades, tente avaliar cuidadosamente o local.

Confira algumas dicas:

Mais privacidade e menos distrações

Se você pode escolher, faça seu escritório em casa em um local que propicie um número baixo de interrupções e de distrações.

Ter privacidade ao trabalhar, ao menos na medida do possível, pode ser fundamental para manter a produtividade e a qualidade nas entregas. Mas não é só na interferência alheia que você deve pensar.

Ao viver o home office, há quem enfrente dificuldades em se manter longe do sofá, das séries e filmes da Netflix ou até mesmo da tentação de “assaltar” a geladeira o tempo inteiro.

É certo que uma boa dose de gestão do tempo e de autocontrole vão ajudar, mas a escolha do local do escritório também.

Dê preferência a um lugar que mantenha você distante dessas e de outras distrações que possam atrapalhar seu dia a dia de trabalho;

Trabalho e descanso em ambientes diferentes

Rodando a internet, você já se deparou com fotos dignas de Pinterest de pessoas trabalhando no conforto de suas camas?

Pode até ser que exista quem lide bem com essa realidade, mas saiba que trabalhar do quarto ― quiçá da cama ― não é recomendado.

Nosso cérebro aprende a identificar nossos quartos como espaços para descanso. Por isso, trabalhar desse ambiente pode resultar em improdutividade.

Ainda, se você conseguir vencer essa barreira, seu organismo pode passar a ter dificuldades para entender que o quarto é lugar para descansar. Por isso, vale evitar;

Luz, luz e um pouco mais de luz

Quando você for pensar na decoração do seu escritório em casa, tem todo direito de escolher uma luminária de mesa ou de chão (ou outra que preferir) super estilosa. Há peças assim capazes de ditar toda a personalidade do ambiente.

Apesar disso, na hora de escolher o local, priorize um com boa iluminação natural.

E se você trabalha direto no computador, já estude a melhor posição para a mesa pensando em evitar os indesejáveis reflexos na tela do dispositivo.

Ergonomia e bem-estar

Ainda antes da decoração, as dicas para o home office devem passar pela ergonomia e pelo bem-estar.

Caso você ainda não saiba, ergonomia é a ciência relacionada à compreensão das interações entre pessoas e outros elementos que fazem parte do seu sistema.

No contexto de um escritório em casa, estamos falando da forma como você interage com sua mesa, cadeira e outros equipamentos ou acessórios que façam parte de sua rotina de trabalho.

A falta de atenção a isso, a princípio, pode não gerar problema algum. Com o passar do tempo, porém, desconfortos podem começar a surgir e se agravar.

Se a tela do computador não estiver em uma distância adequada, por exemplo, dores de cabeça podem se tornar mais frequentes. Se a altura da tela não estiver correta, dores musculares na região do trapézio podem aparecer e até gerar nódulos.

Além de afetar seu bem-estar, situações assim afetam seu desempenho no trabalho, o que faz com que a ergonomia mereça atenção. Algumas dicas de ergonomia do home office são:

  • Dê atenção à altura e à distância dos utensílios;
  • Invista em conforto;
  • Tenha apoio para costas, cotovelos e pescoço;
  • Busque ambientes bem iluminados, ventilados e sem barulho;
  • Faça pausas e alongamentos;
  • Tenha cuidado com a decoração e as pinturas.

Ainda, considerando sua adaptação e satisfação ao fazer home office, recomendamos que você confira nosso post com tudo o que você precisa saber para trabalhar de casa.

Decoração

A última dica, da lista acima, sugere cuidado com a decoração porque, com base na psicologia das cores, escolhas decorativas podem afetar a criatividade e outras respostas neurológicas.

Vale, por exemplo, apostar no azul e no verde e, “se a intenção é manter o foco, evite tons muito chamativos e quentes, como o vermelho e o laranja”.

Considerando essa sugestão, vamos a três outras dicas que podem ser seguidas para decorar seu escritório em casa:

Aposte em um ambiente “clean”

Mencionamos que o azul e o verde são boas cores, mas você não precisa ter um escritório tomado por essas cores e sequer apostar nelas, se não quiser.

Convém saber, porém, que os tons são apropriados para ambientes de trabalho e podem ajudar você a entrar no clima certo para suas tarefas.

Em todo caso, seja quais forem as cores que você escolher para decorar seu home office, considere manter o branco como base ou optar por uma combinação mais limpa ou “clean”.

Excessos e exageros tendem a levar ao cansaço ainda que a gente não perceba, então, convém evitá-los;

Escolha bem seus móveis

Quando o assunto são os móveis, convém pensar em uma combinação de ergonomia e decoração.

Existem cadeiras lindas, coloridas e com design super moderno, mas que vem sem qualquer regulagem de altura.

Com isso, por mais atraentes que sejam, tendem a não ser escolhas ideais para seu bem-estar.

Além de questões como essa, considere móveis que sejam versáteis e adequados às suas necessidades.

De pouco adianta ter um armário tipo arquivo se o que você precisa mesmo é de uma estante para alocar todos os seus livros. 

Tenha a usabilidade e a praticidade em mente, considere como é sua rotina de trabalho e escolha móveis que se encaixem a ela da melhor forma;

Dê seu toque de personalidade

Por fim, dê seu toque de personalidade. Às vezes, falar em ergonomia e praticidade parece nos levar a um escritório em casa que seja sem graça ou comum demais.

De fato, há quem não ligue para isso, mas nada impede você de escolher elementos que tenham a sua cara.

Gostar do lugar em que a gente trabalha também favorece a motivação. Assim, considere algum porta-retrato, quadro ou grade de avisos, a luminária estilosa que mencionamos no começo do post e por aí vai.

O importante é manter o equilíbrio para que o espaço seja tão bonito quanto agradável e funcional.

Este post foi útil? Que tal compartilhá-lo em suas redes sociais? Assim, mais pessoas podem aprender a equipar e decorar seus escritórios!

Share:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *