Carnes, feijão, molhos e outros alimentos… congelar e descongelar comida é algo que faz parte da rotina de muitos de nós, não é mesmo?

Falamos de um hábito tão comum em nossas cozinhas que nem sempre nos perguntamos se estamos fazendo isso da forma mais correta. Acontece que, se o processo for errado, os alimentos podem perder sabor e até nutrientes.

Neste post, vamos falar a respeito para que você tenha certeza de que está fazendo tudo certinho. Acompanhe!

Existe uma posição certa para o congelamento

Diz aí, já começamos fazendo a nuvem da curiosidade pairar sobre a sua cabeça?

A melhor posição para congelar alimentos é de forma a deixá-los o mais plano e achatados possível. Isso não significa que você tem que sair amassando a comida antes de congelar, ok?

Essa dica se aplica especialmente à molhos e sopas, mas você pode dar um jeitinho de deixar até carnes, vegetais e outros alimentos mais planos também.

Ao fazer isso, você garante que os alimentos se congelem mais rapidamente e que o descongelamento também seja mais rápido depois.

É que deixar o alimento plano aumenta o contato da comida, devidamente protegida, com o ambiente. Assim, 

É importante conhecer o branqueamento

Se você pensa que basta colocar o alimento em um saquinho ou em outro recipiente adequado e levar ao congelador, pode estar se equivocando!

No caso de legumes e de algumas verduras, é importante fazer o branqueamento antes de congelar.

Caso você ainda não saiba, o branqueamento de alimentos “é uma técnica de conservação que faz com que alimentos durem por vários meses no congelador”.

A técnica consiste em passar os alimentos em água fervente por alguns minutos e, em seguida, dar um choque térmico colocando-os em contato com a água fria ou gelada.

A princípio, pode parecer trabalhoso, mas o branqueamento é fundamental para conservar o sabor e o valor nutricional dos alimentos que estão sendo congelados.

Descongelamento é dentro da geladeira

A vida da gente é uma correria, né? Depois de chegar do açougue, a gente coloca as carnes no congelador e, em geral, deixa lá até chegar o dia do preparo.

Acontece que, quando esse dia chega, a gente nem sempre se lembra de colocar a peça de carne para descongelar com horas de antecedência. Com isso, deixamos fora da geladeira para acelerar o processo.

Colocar o alimento para descongelar na pia favorece a proliferação de bactérias. Assim, é uma decisão que pode trazer riscos à saúde.

Outro ponto é que o processo de descongelamento de alimentos dentro da geladeira ajuda a preservar o sabor.

A dica é retirar o alimento do congelador ou freezer um dia antes e colocá-lo em uma prateleira da geladeira, de preferência dentro de um prato ou travessa.

Acelere o processo com água ou microondas 

Tá, você já entendeu que o jeito certo de descongelar alimentos é dentro da geladeira, mas está se perguntando se tem como acelerar o processo?

A resposta é sim e você pode usar a água ou até mesmo o seu microondas para garantir que o descongelamento seja mais rápido.

Água

Se você quer usar a água, o que precisa fazer é colocar o alimento, dentro da embalagem que já está, em uma bacia com água em temperatura ambiente.

É certo que a troca de calor que naturalmente acontece vai esfriar a água, então pode ser necessário trocá-la de tempos em tempos. (Se possível, aproveite esse água para regar plantas ou invés de simplesmente jogar fora).

Não use água morna ou quente porque isso pode iniciar o processo de cozimento do alimento, ainda que só nas camadas mais externas. Como consequência, as bactérias vão se proliferar mais facilmente.

Microondas

Caso prefira usar o microondas, você vai precisar retirar o alimento do recipiente em que foi congelado e colocá-lo em um prato.

Em seguida, deve escolher uma das duas opções abaixo:

1) Colocar o alimento no microondas e selecionar a opção “descongelar”;

2) Diminuir a potência do microondas em 50%, definir 10 minutos de tempo, ligar e ir pausando para conferir o descongelamento, virar e separar o alimento.

O que foi descongelado não se congela de novo

Você congela grandes quantidades de comida em um mesmo recipiente? E tem o hábito de recongelar o que não é usado? Repense.

Voltar a congelar um alimento favorece a proliferação de bactérias.

Uma vez descongelada, a comida já se torna alvo dos microorganismos. Se congelada novamente, vai ser congelada com essas bactérias e isso só vai agravar a situação e o risco de contaminação no próximo descongelamento.

A dica é separar os alimentos em porções menores para que você só precise descongelar por vez o que de fato vai preparar e consumir.

Congelados têm prazo de validade

“Comida congelada não estraga”. Já ouviu essa frase? Pois saiba que comida congelada estraga sim.

Não há dúvidas que alimentos congelados têm prazo de validade maior do que os que estão na geladeira ou até mesmo fora dela. Mas limites existem e precisam ser respeitados.

É sempre bom etiquetar aquilo que você congela, dizendo o que é e a data. A dica vale para carnes, molhos, sopas, legumes, verduras… 

Para te ajudar, fizemos uma breve pesquisa e descobrimos a validade de alguns alimentos no congelador. Veja:

  • Carne bovina crua: até 12 meses;
  • Frango e hambúrgueres: 9 meses;
  • Peixes magros: 6 meses;
  • Salsicha, linguiça e bacon: 2 meses;
  • Frutas e hortaliças: de 1 a 3 meses;
  • Pratos prontos: de 15 a 30 dias.

Seu congelador tem limites

Como dissemos ainda no início do post, congelar alimentos é algo muito comum para nós.

Por isso, pode ser que um dia você se empolgue seja porque comprou um volume maior de comida ou porque quis deixar alimentos semi-prontos no congelador.

Seja qual for a situação, mantenha em mente que quando o congelador está muito cheio, nem todos os alimentos são devidamente resfriados. Algo que pode prejudicar a conservação.

A dica é usar ¾ da capacidade do congelador, ou seja, não deixar o compartimento “abarrotado”. A organização também é importante que você consiga aproveitar melhor o espaço sem riscos.

Congelar e descongelar alimentos é tarefa simples, mas algumas regrinhas são importantes para que tudo corra bem!

Gostou do post? Compartilhe-o com a família e os amigos pelo whatsapp!

Share:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *