Você já se surpreendeu com a notícia de que um aplicativo falso foi desenvolvido por criminosos para enganar as pessoas e pegar seu dinheiro?

Pois é, pode acontecer e é por isso que precisamos saber identificar um app falso.

Infelizmente, gente mal intencionada existe aos montes e até mesmo em contexto de pandemia, golpes são aplicados.

Em abril de 2020, foram divulgadas informações de que uma cópia falsa do app Caixa Tem, destinado ao recebimento de benefícios do governo, foi criada.

Quem tem mais familiaridade com o universo digital pode escapar desse tipo de problema com mais facilidade, mas nem todos lidam com a tecnologia da mesma forma e aplicativos falsos podem gerar muita dor de cabeça.

Confira nossas dicas para saber se um app é falso:

Informe-se sobre o desenvolvedor

Ao encontrar um aplicativo em sua loja de apps, repare na informação que aparece logo abaixo do nome desse app.

O melhor dos cenários é que o nome seja o da empresa diretamente relacionada ao aplicativo, mas também pode ser que seja o da empresa que desenvolveu a solução.

Já que mencionamos o Caixa Tem anteriormente, vamos usá-lo como exemplo novamente.

Ao abrir o aplicativo ainda na loja de apps, abaixo de “Caixa Tem” é possível ler “Caixa Econômica Federal”. Este é um dos indicativos de que o programa não é falso.

Se, ao fazer esse tipo de consulta, você não reconhecer o nome associado ao app ou ficar em dúvida, não o baixe logo de cara. Há outras dicas que você pode seguir para ter certeza de que o aplicativo é seguro.

Aprenda mais sobre o desenvolvedor

Ainda na loja de apps, na página do aplicativo do seu interesse, você pode encontrar algumas informações adicionais que vão pautar sua análise.

Verifique se é possível identificar o contato do desenvolvedor e, em seguida, pesquise se trata-se de uma empresa conhecida e de boa reputação.

Verifique também ao descer a tela e solicitar por “mais informações” se há outras apps sob a responsabilidade desse desenvolvedor.

Com isso, você tem uma chance de avaliar se os outros aplicativos são conhecidos e legítimos ou se também são suspeitos, o que reforçaria o sinal de alerta.

Consulte a data de lançamento do app

No histórico de versões ou até mesmo “ver mais” você deve conseguir se informar sobre quando foi lançada a primeira versão do aplicativo. Tenha em mente duas coisas:

  1. Muitos aplicativos falsos surgem depois das versões originais, mas isso não é regra;
  2. Assim, convém pesquisar quando o tal app foi lançado e conferir se as informações procedem.

Nem sempre os registros da loja de apps vão trazer a data exata do lançamento, mas darão uma noção que pode ser suficiente para essa conferência, ajudando você a evitar aplicativos falsos.

Confira as avaliações do aplicativo na app store

Na própria loja de aplicativos você consegue verificar o que as pessoas estão dizendo a respeito do app que despertou seu interesse.

Se houver muitas avaliações negativas, dizendo que o aplicativo não funciona bem, que o usuário informa seus dados e não consegue prosseguir ou qualquer outra coisa que pareça suspeita, não faça o download caso tenha dúvidas sobre a procedência do app.

É possível que reclamações desse tipo surjam em aplicativos verdadeiros que estejam passando por alguma instabilidade ou que tenham falhas ainda não corrigidas pelo desenvolvedor. Entretanto, convém se informar melhor quanto a isso antes de baixá-los.

Ainda, saiba que uma página só com avaliações positivas não é, por si só, sinal verde para que você baixe o aplicativo sem preocupações.

Saiba que os mal-intencionados que desenvolvem apps falsos costumam contar também com robôs programados para dar cinco estrelas e fazer comentários positivos.

O objetivo, como haveria de ser, é tentar enganar as pessoas e roubar suas informações pessoais e até o seu dinheiro. Sabendo disso, observe o teor dos comentários e, se forem todos muito similares e rasos, desconfie.

Verifique a imagem atrelada ao aplicativo

Já imaginou entrar em sua loja de aplicativos para baixar o Caixa Tem e encontrar um app cuja imagem é vermelha? Pode acontecer e é motivo para ligar o alerta de possível aplicativo falso.

Empresas têm identidades visuais bem definidas. Como você deve saber, a Caixa tem aquele “X” estilizado em branco e laranja, além de usar predominantemente o azul ou o verde azulado em suas imagens. Assim, um vermelho pode significar que aquele app não é legítimo.

Tenha em mente, porém, que aplicativos falsos podem copiar a identidade visual esperada e, por isso, é importante dar atenção aos outros fatores que apresentamos neste post.

Dê atenção às permissões solicitadas pelo app

No post O celular está te ouvindo? comentamos sobre as permissões que um aplicativo pode solicitar quando você o baixa na loja de apps.

Em alguns casos, você pode achar estranho, mas é normal. Usando agora o Whatsapp como exemplo, o aplicativo vai pedir acesso à sua câmera, ao seu microfone e ao seu rolo de câmera ou galeria. Isso acontece para que você possa enviar fotos e mandar mensagens de áudio.

Por outro lado, se você baixa um aplicativo para saber qual é a temperatura em sua cidade e em diferentes regiões do país e até do mundo, não há motivo para que o programa solicite acesso à sua câmera ou microfone.

Dar atenção a isso é importante para evitar aplicativos falsos.

Informação bônus para a sua segurança

O melhor a se fazer ao baixar um aplicativo é acessar a loja de apps do seu dispositivo móvel ao invés de realizar o download por algum link. Porém, isso não evita por completo que um programa falso seja baixado.

Em geral, usuários do sistema operacional Android estão mais expostos a riscos do que o usuários do sistema iOS. Isso porque a Play Store é menos rigorosa em comparação com a Apple Store.

Assim, a primeira acaba sendo alvo preferencial de pessoas mal-intencionadas que desenvolvem apps falsos.

Leve isso em consideração, mas sem pensar que qualquer aplicativo na Play Store é falso ou que 100% dos apps na Apple Store é seguro. Precaução sempre!

Gostou do post? Leia também Golpes via WhatsApp: Como reconhecer e escapar dessas ameaças!

Share:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *