O “faça você mesmo” é uma realidade para muita gente. Você, que está pensando em arregaçar as mangas e construir sua própria prateleira de madeira, que tal algumas dicas?

É certo que fazer uma prateleira ou uma estante de madeira requer certa habilidade. Tudo tende a ficar mais simples, porém, quando contamos com boas orientações e foi pensando nisso que fizemos este post para o blog da Obabox.

Esse tipo de estrutura pode ter diferentes usos e tamanhos, além de usar diferentes materiais. Seja qual for a sua ideia, trouxemos 8 dicas que você precisa considerar para descobrir como fazer uma prateleira de madeira ou uma estante. Confira!

1. Avalie o espaço e o ambiente

Se você gosta de móveis e decoração, provavelmente já bateu o olho em uma peça linda, mas que não ficaria bem no seu espaço. Acontece! Por isso, antes de seguir a ideia de um projeto que você encontrou na internet ou por meio de outra fonte de inspiração, avalie sua adequação.

Falamos mesmo da adequação estética com o objetivo de determinar se sua estante ou prateleira de madeira vai cair bem no ambiente escolhido. Talvez, para que tudo dê certo, mudar um ou outro material seja o suficiente!

Além disso, observe também questões sobre o espaço disponível para não projetar uma peça que seja grande demais para o ambiente ou pequena demais para o seu propósito.

2. Considere reaproveitar materiais

Para fazer sua estante de madeira ou prateleira, você tem que saber qual o tipo de madeira ideal para o seu projeto. Se você deseja acomodar livros pesados, por exemplo, precisa se certificar de escolher madeiras resistentes para que a estrutura não acabe cedendo com o peso.

Nesse processo de escolha, lembre-se de que nem tudo são compras de itens novos. Reaproveitar materiais como caixas de madeiras, pallets e portas sem uso também é uma possibilidade, sobretudo se você deseja gastar menos e ajudar o meio ambiente.

3. Inspire-se em diferentes projetos

Uma das coisas mais legais que o “faça você mesmo” apresenta para quem deseja saber como fazer uma prateleira de madeira é a possibilidade de usar a criatividade.

Pode até ser que você esteja buscando algo bem simples como pequenos retângulos de madeira fixados na parede com o auxílio de um suporte. Entretanto, se seu desejo é ter a oportunidade de sair do lugar comum e criar algo único, busque inspirações!

Já pensou se, ao invés de uma estrutura toda feita de madeira, sua estante tenha canos de metal ou de um plástico resistente para servir de apoio para as prateleiras? Um projeto como este resulta em algo de aparência mais leve e de design despojado.

Outra interessante possibilidade é a de usar cordas resistentes presas ao teto para segurar estantes suspensas. Uma ideia ótima caso seu projeto tenha por objetivo criar uma estrutura de apoio para vasinhos de planta, por exemplo!

4. Faça ou tenha um desenho de seu projeto

Se você achou a inspiração perfeita, é uma boa ideia imprimi-la para conferir, a cada etapa do processo, se o seu projeto está sendo executado da maneira certa. Seguindo essa ideia, é bastante válido fazer anotações claras sobre as medidas que você deve seguir.

Pode ser, por exemplo, que a prateleira da referência tenha 90 cm de comprimento, mas que você deseje fazer uma com apenas 75 cm. Detalhes como esse não podem passar despercebidos e devem ser estudados antes e durante a construção de sua estante de madeira.

Caso sua ideia seja uma mistura de referências que tenha resultado em um projeto original, faça o possível para desenhá-la. Não precisa ser nada profissional, apenas algo claro o bastante para lhe servir de guia durante seus dias de trabalho.

5. Saiba quais ferramentas você precisa

Depois de avaliar bem seu ambiente, escolher seus materiais e buscar inspirações, você precisa saber quais ferramentas deve providenciar para fazer sua própria estante ou prateleira de madeira.

É certo que alguns itens podem variar, mas no geral, você vai precisar de:

  • Madeira de sua preferência;
  • Trena ou outro instrumento de medição;
  • Lápis para marcar pontos de referência na madeira;
  • Parafusadeira;
  • Parafusos grandes;
  • Serrote ou serra elétrica manual;
  • Lixa para madeira;
  • Tinta ou verniz para acabamento;
  • Pincel.

Além disso, tenha em mente as especificidades de seu projeto. Caso você decida reaproveitar pallets, por exemplo, deve acrescentar de martelo e pregos à sua lista de ferramentas e por aí vai.

6. Monte um protótipo da sua estante

Quer você esteja construindo uma estante ou uma prateleira de madeira, para começar é importante fazer um protótipo e testá-lo. O que isso quer dizer?

Suponhamos que sua estante de madeira tem quatro “andares”. Ao invés de cortar toda a madeira que você tem de uma só vez, corte apenas o suficiente para a construção de um andar ou de um módulo do projeto.

Para isso, é certo que você precisa usar a trena e o lápis para fazer as devidas marcações para o corte ou para o uso da parafusadeira. Uma vez que o processo estiver concluído, confira se o tamanho e o local dos cortes e furos estão adequados àquilo o que você busca como resultado final.

Se algo sair errado, você desperdiça menos tempo porque só terá uma refação a fazer. E, se tudo sair conforme o planejado, basta usar o protótipo como referência para dar sequência à construção.

7. Prepare a madeira (e demais materiais)

Se você comprou madeiras prontas para montar sua prateleira ou estante, tem a possibilidade de pular essa dica. Entretanto, se você está reaproveitando peças ou decidiu customizar sua criação, deve prepará-la para tal.

Pode ser necessário descobrir como lixar madeira para projetos e reformas ou se informar sobre a forma correta de usar tinta para madeira, por exemplo. Isso porque, o preparo da peça para receber o verniz ou outro acabamento deve ser feito, preferencialmente, antes da montagem.

Seja como for, este é mais um momento em que você pode soltar a criatividade para definir a aparência das suas novas peças de madeira. Uma oportunidade para dar personalidade à sua estante ou prateleiras e criar algo que seja um ponto de destaque em seu ambiente.

8. Não tenha ‘medo’ de pedir ajuda

Prateleiras presas por um ou mais suportes podem ser fáceis de instalar. Com o auxílio de uma trena e de um nivelador, é provável que uma pessoa consiga, sozinha, colocar tudo no lugar.

Entretanto, para montar estantes, pode ser necessário pedir ajuda a alguém. Se falamos de uma estrutura pequena e leve, você pode montá-la no chão e depois colocá-la de pé em seu lugar de destino. Caso o projeto seja de uma estante mais pesada, alta e cheia de repartições, outro par de mãos é muito bem-vindo.

Sendo assim, para evitar erros nesta etapa, não tenha medo de pedir ajuda. A chance é que a outra pessoa não precise realmente colocar a mão na massa e somente ajudar você a segurar a estrutura de pé enquanto esta vai sendo devidamente montada.

Animado para começar seu projeto? Antes de ir, conheça a Oba Serra: a serra multifuncional mais completa do mercado!

Share:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *