Comprar um carro não é fazer um investimento como outro qualquer. É caro, a gente gasta com gasolina, imposto, manutenção preventiva, troca de pneus e mais. Por isso, ninguém dispensa dicas de conservação veicular, não é mesmo?

Saber como cuidar do carro para evitar danos e reduzir as despesas é uma preocupação válida e comum a muitos motoristas. Com isso em mente, preparamos um conteúdo especial para você e seu possante!

Tenha cuidado ao abastecer

O combustível adulterado pode causar danos irreversíveis a um veículo e essa adulteração, infelizmente, é um crime ainda comum no Brasil.

Motor fraco, alto consumo de combustível e falhas ao dar partida pela manhã estão entre os sinais de que você pode estar abastecendo seu carro em um posto pouco confiável.

Por isso, nossa primeira dica de conservação veicular é buscar indicações sobre os melhores postos e aqueles que você deve evitar.

Além disso, é importante que você tenha atenção aos sinais de seu veículo para perceber, o quanto antes, caso algo não esteja bem;

Dirija com cautela e atenção

Dirigir com atenção é uma importante dica de como cuidar do carro. Em partes falamos de evitar os buracos e de não passar correndo pelos quebra molas, mas há mais.

É importante sentir o carro para passar as marchas na hora correta e para evitar condutas que favoreçam o desgaste excessivo da embreagem ou da pastilha de freio, por exemplo.

Mantenha o veículo limpo

A limpeza correta das partes internas e externas de um veículo tem muito a contribuir para a sua conservação. Para tanto, é importante usar somente produtos específicos para a limpeza de carros.

Você pode descobrir como fazer isso conferindo nosso post que ensina como deixar seu carro brilhando como novo! A verdade é que a limpeza não mantém apenas a aparência de novo, mas realmente pode ajudar a conservar o veículo.

Lavar a parte inferior da carroceria com água quente, por exemplo, ajuda a desobstruir buracos de drenagem que, no dia a dia, podem se encher de areia e outros tipos de detrito; 

Corrija pequenas falhas

Pequenas falhas como arranhões ou amassadinhos merecem ser corrigidos para manter a conservação veicular.

Isso porque essas falhas que podem retirar parte da pintura acabam expondo as partes metálicas do carro à ação da água e da umidade.

Como consequência, as regiões podem acabar desenvolvendo ferrugem, um problema que pode ser mais complicado e mais caro de se resolver;

Atenção ao prazo do óleo

Você respeita os prazos de troca de óleo do carro? A cada troca, um novo adesivo com informações da próxima data ou da próxima quilometragem em que a renovação do óleo deve ser feita é colocado no veículo.

Algumas pessoas estão mais acostumadas do que as outras a observarem o avanço da quilometragem do veículo dia após dia.

Se você não tem esse cuidado, programe lembretes para que você confira a situação e evite ultrapassar prazos e limites estabelecidos.

O atraso na troca do óleo pode provocar um desgaste que, pouco a pouco, vai reduzindo a eficácia do carro;

Programe a troca de filtros

Outra dica de como cuidar do carro é programar a troca de filtros ou uma verificação para certificar o momento certo a fazer cada troca.

Um carro tem filtros de ar, de óleo e de combustível. Uma vez que se desgastam, deixam de cumprir sua função de forma adequada e podem começar a deixar impurezas passar.

Há um risco, inclusive, de que impurezas cheguem ao motor e afetem seu funcionamento;

Dê atenção à bateria

Em nome da conservação veicular, não se esqueça de conferir o estado da bateria de seu carro. Algo que deve ser feito, em média, a cada seis meses ou a cada ano.

O objetivo é verificar as condições dos terminais da bateria para eliminar sujeiras que porventura tenham se acumulado, conferir se algum dos terminais está frouxo e precisa ser apertado ou se está corroído e precisa ser trocado.

Quanto à limpeza, você pode usar água quente e uma esponja de aço e, para evitar o ressecamento, pode colocar vaselina nos terminais;

Faça a revisão veicular

Ainda, se você quer ter certeza de que você está fazendo o necessário para cuidar do carro, faça a sua revisão regularmente. Não raro, concessionárias ligam para os proprietários de tempos em tempos sugerindo que o serviço seja feito.

Caso prefira, você pode fazer a revisão do veículo em uma oficina de sua confiança se o custo-benefício for melhor.

Seja como for, é sempre interessante manter uma regularidade e fazer ao menos uma revisão anual ― incluindo outras na agenda caso você faça muitas viagens. 

Dessa forma, você garante que profissionais confiram o estado e funcionamento do veículo e indiquem medidas preventivas a favor da conservação e, claro, visando evitar problemas mais graves e até acidentes;

Siga o manual e respeite a capacidade do carro

No dia a dia, mesmo para coisas simples, esteja atento às instruções que constam no manual de seu veículo. Por lá, você encontra informações sobre calibragem do pneu e outras que podem ser bastante úteis e decisivas.

É o caso também da informação sobre a capacidade do carro, ou seja, do peso que seu veículo consegue suportar e que você precisa respeitar. Sobrecarregar o carro acelera o desgaste de todas as peças do veículo, o que prejudica a sua conservação e ainda causa prejuízos ao proprietário;

Não deixe o carro parado por muito tempo

Por fim, mas não menos importante, evite deixar seu carro parado por muito tempo. Ainda que você não vá utilizar o veículo por determinado período, lembre-se de ligá-lo por alguns minutos ao menos uma vez por semana.

Caso isso não seja possível e seu carro precise ficar parado por mais de 15 dias, a dica é para que você encha o tanque e desligue os cabos dos terminais da bateria.

Isso porque ainda que o veículo esteja parado, parte da energia da bateria ainda é consumida em razão de elementos como o alarme e a injeção do carro que estão continuamente ligados.

Fica o alerta, porém, que modelos mais modernos de veículos podem decodificar equipamentos caso a bateria seja desligada. Por isso, se possível, prefira a alternativa de ligar o veículo.

Saber como conservar o carro é fundamental para todos que possuem um veículo e querem fazer seu investimento valer a pena ao máximo.

Esperamos que você tenha considerado as dicas úteis e recomendamos que você conheça o Kit ObaSafeClean que pode ser usado para manter o carro limpo e os pneus calibrados!

Share:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *