“Amigo é coisa pra se guardar debaixo de sete chaves, dentro do coração!”. 

E também pra ajudara a gente a encarar a vida e combater a solidão. Você mantém suas boas companhias por perto?

Em todas as etapas da vida, ter amigos nos faz bem. Na terceira idade, em especial, o contato frequente com as amizades é especialmente importante porque favorece a saúde do idoso, afastando-o do isolamento e de problemas mais sérios como a depressão.

Com tudo isso em mente, neste post vamos abordar a importância de nos cercamos de bons amigos, inclusive com dicas de atividades para manter a agenda social ativa. Confira!

Por que é importante ter amigos?

Um bebê mal nasce e os pais já estão procurando, entre seus próprios amigos, aqueles que também tiveram ou estão para ter filhos para apresentar a criança a seus novos amiguinhos.

Humanos são seres sociais e o desejo do contato com outras pessoas não só faz parte da nossa natureza como é crucial para as nossas vidas. Especialistas e pesquisas científicas comprovam isso atestando que a amizade favorece nosso desenvolvimento emocional e saúde.

Com os amigos, partilhamos dúvidas, dores, aprendizados, sonhos e alegrias. A ciência diz que interagir com outras pessoas por ao menos 10 minutos por dia ajuda o cérebro humano a funcionar melhor e reduz as probabilidades de um quadro de demência na terceira idade.

Uma pesquisa realizada pela Universidade de Chicago mostra ainda que ter amigos nos ajuda a dormir melhor, já que a solidão tende a nos deixar mais agitados durante o sono.

Outro fato importante é que estar cercados de boas companhias nos faz mais felizes e saudáveis. Isso porque o sistema imunológico se fortalece, afastando problemas como infecções e AVCs.

Por que a amizade é tão importante na terceira idade?

Já ouviu histórias sobre pessoas que, depois de casadas e com filhos, perderam boa parte do contato com os amigos? As obrigações familiares e profissionais podem mesmo nos afastar das amizades, ainda que isso não seja o ideal.

Para muitos, acaba sendo natural se fechar em um círculo de muitos afazeres e poucos amigos e parece estar tudo bem enquanto se tem os filhos para criar. Para outros, é a existência dos colegas de trabalho que mantém as interações constantes e afasta a necessidade de aumentar o número de amigos.

Com o passar dos anos, porém, a aposentadoria chega e os filhos se tornam independentes. Como consequências, idosos comumente têm seu contato com outras pessoas reduzido ― um quadro que se agrava quando problemas de saúde afetam a mobilidade e a independência.

Mesmo que esse movimento seja natural da vida, o melhor a se fazer é evitar esse isolamento. A viuvez, o afastamento da família e até a partida dos amigos para outro plano tendem a provocar um sentimento crescente de solidão que pode ter consequências sérias.

Vale saber que, no Brasil, a depressão é mais comum entre pessoas com 60 a 64 anos. E como não escolhe idade, a doença também pode acometer pessoas mais velhas que tem uma tendência ainda maior de viver no isolamento.

Sabendo de tudo isso, fica mais fácil compreender que a amizade é importante porque faz bem para a saúde do idoso e melhora a sua qualidade e, segundo a ciência, sua expectativa de vida. 

Alerta sobre a depressão na terceira idade

Cada vez mais, nossa sociedade se abre para debater e aprender sobre assuntos como a depressão. Aqui no blog da Obabox, inclusive, já nos dedicamos a apresentar conteúdos sobre saúde mental.

Quando o assunto é a depressão na terceira idade, alguns pontos precisam ser destacados. Um desses pontos foi apresentado por Ricardo Barcelos Ferreira, especialista em psiquiatria geriátrica: “Como vamos viver mais, vamos viver mais com a depressão também”.

O médico se refere ao aumento da expectativa de vida que certamente é muito celebrado, mas que também nos faz um convite para repensar conceitos e hábitos em prol do envelhecimento saudável.

Outro ponto é que, na terceira idade, os sintomas da depressão podem ser confundidos com outros sinais considerados comuns a essa fase da vida. Algo que pede atenção redobrada ao tema.

No post post Janeiro Branco: a importância do cuidado com a Saúde Mental e Emocional, destacamos que alguns desses sintomas que podem passar despercebidos são:

  • Falta de energia;
  • Raciocínio lento;
  • Esquecimentos;
  • Perda de apetite;
  • Irritabilidade;
  • Alterações no sono.

Cercar-se de bons amigos ajuda a afastar esses problemas, sejam causados somente pelo avanço da idade ou pela depressão. Em caso de suspeita da doença, porém, fica o alerta para a importância do acompanhamento profissional porque medicações podem ser necessárias para reverter o quadro.

Dicas para cercar-se de boas companhias na terceira idade

Quem está se sentido afastado da família ou distante dos amigos tem interessantes possibilidades para solucionar o problema. Uma delas é contar com o poder da tecnologia para conectar pessoas.

Falamos sobre isso no post sobre A importância do WhatsApp nos dias de hoje ― uma ferramenta que nos aproxima virtualmente de pessoas queridas e que também pode ser utilizada para fazer convites para reuniões informais e passeios.

Que tal considerar uma quebra na rotina e reunir familiares ou amigos para ouvir seus discos de vinil favoritos? Os vinis estão em alta e ter uma vitrola como a ObaVintage pode fazer com que sua casa se transforme em um ponto de encontro super legal!

Se você está precisando fazer novas amizades, considere participar de atividades que, por si só, vão fazer bem à sua saúde. Um exemplo são as aulas de hidroginástica ou dança que fazem bem para o corpo e a mente e ainda criam oportunidades de socialização.

Outra boa dica é a de conhecer os melhores animais de estimação para idosos e buscar um amigo pet para chamar de seu. Bichinhos de estimação também são sociáveis e podem ser boas companhias.

Além do mais, criam oportunidades de contato com outras pessoas ao fazer com que você os leve para passear provocando momentos de interação com outros animais e seus donos.

A amizade, com pessoas e pets, tornam nossas vidas mais leves, felizes e saudáveis. Por isso, em qualquer fase da vida e sobretudo na terceira idade, vale a pena se dedicar a criar e cultivar relacionamentos.

Gostou do post? Outra forma de socialização é convidar a turma para um almoço ou jantar. Confira 7 aplicativos que vão te ajudar na cozinha e não perca tempo!

Share:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *