Os aplicativos de bancos vieram como uma medida para tornar a vida do correntista ainda mais fácil e simples. Quem nunca passou horas na fila do banco para resolver uma situação simples ou até para abrir uma conta? Você provavelmente já deve ter passado por esse tipo de situação.

Então, para resolver essa questão de maneira simples, os bancos apostaram na criação desses aplicativos para quem quer facilitar a vida. A medida vem dando muito certo, porém ainda desperta a desconfiança de alguns sobre a segurança que esses aplicativos oferecem. 

Por isso, resolvemos trazer nesse texto tudo o que você precisa saber sobre o assunto e se é possível confiar nessa nova solução criada por essas instituições

Esperamos que goste da leitura!

Como funcionam os aplicativos de bancos?

Segundo pesquisa nacional online feita pelo CONECTA, cerca de 79% do consultados utilizam ao menos um app de banco. Os mais utilizados na lista de aplicativos de instituições financeiras foram os bancos “Caixa” e “Banco do Brasil”. 

Os aplicativos de banco funcionam como uma extensão do caixa eletrônico em seu celular. Portanto, você consegue fazer quase tudo do conforto da sua casa ou de onde você estiver como se estivesse em uma agência.

Há casos onde os bancos funcionam de forma totalmente digital, sem contar com agências para que o cliente possa visitar. É o caso da Nubank, um dos bancos que mais revolucionou a forma de lidar com seus clientes. 

Os bancos mais antigos contam ainda com agências, caso a pessoa prefira ir até uma delas para fazer transações como depósitos, pagar uma conta diretamente no caixa ou até consultar o gerente sobre situações especiais. 

Porém, com a modernização das operações, algumas agências têm optado em dividir suas funções em operações digitais e presenciais. Ou seja, algumas ações acabam sendo feitas apenas pelo aplicativo e outras apenas presencialmente. É o caso, por exemplo, de empréstimos bancários que podem ser feitos presencialmente com o gerente. 

Portanto, os aplicativos de bancos foram criados como uma medidas para desafogar as instituições, além de facilitar que o cliente resolva suas situações. Essa mudança permitiu que os bancos diminuíssem também os seus custos com funcionários e burocracia. 

Outra vantagem de usar os aplicativos de bancos está nos custos menores para operação. Por exemplo, a taxa para transferir dinheiro de uma conta para outra, tanto como TED e DOC, é considerável menor pelo aplicativo do que na boca do caixa. Simples, rápido e fácil. 

Pelos aplicativos, você então pode:

  1. Fazer transferências de conta nas modalidades: TED, DOC e TEF;
  2. Pagar contas utilizando o código de barras ou o número do código de barras;
  3. Consultar seu saldo bancário;
  4. Solicitar extratos até os 3 últimos meses;
  5. Consultar o limite do cartão de crédito;
  6. Solicitar aumento de limite do cartão de crédito;
  7. Estabelecer limite de gastos;
  8. Consultar o seu perfil de gastos dos últimos meses;
  9. Renegociar faturas;
  10. Solicitar um cartão de crédito;
  11. Fazer compras online;
  12. Solicitar o bloqueio do cartão de crédito em caso de roubo ou perda;
  13. Concluir pequenas transações bancárias como depositar dinheiro na poupança;
  14. Obter atendimento via chat ou e-mail do banco;
  15. Recarga de celular;
  16. Contratação de seguros;
  17. Conseguir número telefônico de contato das agências do seu banco

Dicas de segurança

Mesmo que os aplicativos de bancos sejam uns dos mais seguros quando o assunto é vazamento de informação e invasão de hackers, todo cuidado é pouco. As transações bancárias são as mais visadas por pessoas mal intencionadas para que o roubo e uso indevido de informações de clientes aconteça. 

Por isso, é necessário tomar algumas precauções para não facilitar que essa dor de cabeça aconteça. Além disso, em caso de vazamento de informações, não esqueça: é responsabilidade da instituição bancária arcar com essa responsabilidade e resolvê-la.

Ao utilizar os aplicativos de banco no seu celular, garanta que o aparelho possua um bom antivírus para detectar qualquer possível ameaça e varrê-la para fora do celular. É imprescindível evitar a navegação por sites que possam oferecer algum risco. Evitar clicar em pop-ups que aparecem de forma desordenada no aparelho também previne a entrada de vírus que possam invadir os aplicativos do seu banco. 

Outra medida essencial é manter o sistema do seu celular sempre atualizado. Isso fará com que o sistema seja renovado, dificultando a ação de hackers dentro do sistema do seu aparelho. 

Atenção também com os e-mails. Alguns hackers costumam mandar e-mails falsos dizendo se tratar de uma comunicação oficial do seu banco. Geralmente os bancos não mandam e-mails para seus clientes por medida de segurança. Sempre consulte a sua instituição sobre recebimento de comunicados e como podem ser efetuados. 

E por último, não é recomendado instalar aplicativos que estejam fora da loja oficial do Google, conhecida como Google Play. Dentro da loja do Google os aplicativos disponibilizados possuem um teor a mais de segurança, pois são verificados pela própria loja antes de serem disponibilizados. 

Aplicativos de fora podem estar infectados com vírus que podem acabar contaminando o seu celular. 

Bancos que possuem aplicativos

Boa parte dos bancos que você já conhece possuem aplicativos. Vamos listar alguns que aderiram a essa revolução tecnológica. 

Caso não encontre o seu banco na lista abaixo, consulte uma de suas agências ou entre em contato pelo telefone da instituição. 

  1. Itaú
  2. Bradesco;
  3. Caixa Econômica Federal;
  4. Banco do Brasil;
  5. Santander;
  6. Nubank;
  7. Banco Original

Nesse texto você viu

  • A revolução dos aplicativos de banco trouxe facilidade para o dia a dia das instituições financeiras e de seus clientes;
  • Cerca de 79% dos brasileiros utilizam os aplicativos;
  • Os aplicativos são uma extensão do caixa eletrônico da agência;
  • Alguns bancos, como o Nubank, operam de forma apenas digital;
  • Determinadas operações costumam ser mais baratas quando feitas pelos aplicativos;
  • É seguro utilizar os aplicativos, mas algumas ações de segurança ajudam a melhorar a proteção das operações.

Mais sobre tecnologia e inovação

Enviar e-mail para as pessoas pelo celular pode ser um verdadeiro desafio. Existem várias funções dentro do aplicativos que não tornam simples a tarefa de enviar uma correspondência virtual para alguém.

Pensando nisso, resolvemos trazer no texto que preparamos para você um pouco mais sobre esse assunto para poder te ajudar a resolver esse tipo de dilema. Leia em Não perca tempo! Envie e-mails pelo celular onde quer que esteja e descubra como resolver essa situação. 

Esperamos que goste da leitura!

Gostou desse conteúdo? Então, não deixe de compartilhar esse texto com quem precisa saber tudo sobre aplicativos de banco e como usá-los da forma correta.

Share:

2 Comments

  • Maria de Fatima Nascimenti, 9 de março de 2021 @ 05:46 Reply

    O meu App da caixa federal não está funcionando há 1 semana, faço minhas transações bancárias por ele. Que devo ;fazer?

    • Obabox, 19 de março de 2021 @ 17:31 Reply

      Olá, Maria de Fatima!

      Nosso time vai te ajudar! Para isso, precisamos que você nos ligue no 0800 941 2970 e escolha opção 2.

      Aguardamos o seu contato! =D

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *